quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Você está curado?


Se você está curado, você está curado do desejo.
Quem quer ser curado do desejo?

Última frase do filme: Minha cama de Zinco.

O filme, que traz como protagonista ninguém menos que Uma Thurman, faz uma reflexão sobre a cura e a "necessidade" do vício, se atendo aos vícios relacionados à bebida e paixão e, ainda, questões acerca do equilíbrio entre desejo e afirmação social, autodestruição e sobrevivência. Achei o roteiro um pouco "arrastado", com uma fotografia que deixa a desejar, mas que se compensa com seus diálogos instigantes e profundos.

(Fabiana Carvalho)

2 comentários: