terça-feira, 17 de agosto de 2010

Alma cosmopolita

Só agora me dei conta do quanto sou cosmopolita. Minha solidão é francesa, minha alegria é baiana, meu acolhimento é mineiro, minha balada é paulista, meu calor é cearense, meu dia-a-dia é brasiliense, meu desejo é latino, minha paciência é curitibana, minha fome é italiana, minha sede é alemã e meus amores são bem russos.

(Fabiana Carvalho)

2 comentários: